5.4.2011 às 18:46

Encontre a origem do spam

Quem nunca se perguntou “Como diabos esses malditos spammers sabem meu email?” e sempre desconfiou que um site ou loja vendia seus dados cadastrais que atire a primeira tecla. Aprenda, nesse post, a detectar e, se tiver tempo e dinheiro, se vingar de sites e lojas que vedem seus dados.

Como funciona?

O funcionamento dessa técnica é muito simples: você cadastrará um email exclusivo para cada site, de modo que apenas o site onde você está se cadastrando saberá esse seu email. Obviamente você deve saber qual email corresponde a cada site.

Dessa forma, sempre que você receber um spam, basta ver para onde foi enviado o email e pronto: você já sabe quem vendeu seu email. O que fazer com essa informação? Aí depende de quanto tempo e dinheiro você tem, mas a dica é: vender seus dados é ilegal.

Como fazer?

Vou ensinar duas formas de você fazer isso. Na primeira, a que eu uso, você vai precisar de um domínio e usar o Google Apps como serviço de email. A segunda forma eu nunca testei totalmente mas sei que tem alguns sites que não aceitam, ainda assim pode ser útil pra quem não tem domínio.

Utilizando Domínio Próprio

Com um domínio próprio, utilizando Google Apps, você pode fazer de dois modos. Mas para fazer o segundo, você precisa do primeiro, então os passos são os mesmos:

Primeiro passo: você precisará criar uma conta de email para receber lixo e os emails dos sites, independentemente de qual método utilizar. Essa conta receberá todos emails que forem enviados a endereços inexistentes no seu domínio.

Segundo passo: configure a conta criada como endereço “catch-all” acessando, no menu superior: Service Settings > Email e preenchendo o endereço da conta criada no campo correspondente. Você já pode parar por aqui caso queira acessar, sempre que necessário, essa segunda conta de email.

Terceiro passo: nas configurações da sua conta de email principal, ainda no painel de controle do Google Apps, adicione aliases, que são endereços alternativos para sua conta. Dessa forma, se você deseja cadastrar-se na “Loja do Zé“, você pode adicionar o alias “lojadoze” e utilizar o email lojadoze@dominio.com no momento do cadastro e o email chegará na sua caixa de entrada do email principal, de modo que você não tenha que acessar o tempo todo a conta “catch-all”.

Utilizando Gmail

Um “segredo” que quase ninguém sabe é que, ao registrar-se no Gmail você ganha muito mais que um endereço de email: você ganha vários. Você pode adicionar “+qualquercoisa” no seu email e ainda assim recebê-lo. Exemplo: se seu email é fulano@gmail.com e você deseja cadastrar-se na “Loja do Zé“, basta utilizar o email fulano+lojadoze@gmail.com no momento do cadastro.

Note que esse método possui grandes chances de falha pois alguns sites não permitem utilizar “+” no endereço de email e spammers mais espertos podem simplesmente tirar o “+lojadoze” no momento de enviar o email, de forma que você jamais saiba quem vendeu seus dados.

Pronto!

Agora basta que você sempre cadastre-se nos sites utilizando esses emails “falsos”. Dessa forma você, em alguns meses, provavelmente pegará algum site ou loja em flagrante. :)

Meus Flagras

Até agora, eu só tive problemas com a Digimer vazando minhas informações pessoais. Recebi no dia 23/03/2011 um email enviado para o endereço que uso nessa loja e, após informar no twitter que eles estavam vazando informações de clientes, coincidentemente, recebi mais 3 emails iguais (totalizando 4). Essas empresas que não sabem o risco que correm… Ai, ai… 😛

[Atualização – 27/12/2011]
Estava há algum tempo sem verificar meu email de spam. Encontrei novas empresas vendendo os dados de usuários ou clientes. São elas:

LG
GroupOn
AutoEsporte

Comentar

Seu email não será publicado.